Visite o site da FISUA

Siga-nos:

 

 

A Associação de Física da Universidade de Aveiro, também conhecida por FISUA, é uma associação sem fins lucrativos, sediada na Universidade de Aveiro que conta com mais de 900 associados.

A FISUA é um grupo ativo na divulgação da Física e da Astronomia em Portugal.

 

História

 

A FISUA foi fundada em 1993 por um pequeno grupo de estudantes do Departamento de Física da Universidade de Aveiro, interessados inicialmente em difundir a Física e a Astronomia, não só na região de Aveiro e na comunidade académica, mas também a nível nacional.

 

Encontra-se, desde o seu início, sediada no Departamento de Física da Universidade de Aveiro. Aproveitando a existência de alguns telescópios adquiridos pelo Departamento, e com a ajuda de um astrónomo amador da região (José Augusto Matos), a Associação começou a dar os primeiros passos na sua atividade de divulgação pela área da Astronomia, realizando várias sessões de observação ao longo do ano de 1993.

 

Depois destas primeiras incursões no mundo dos astros a FISUA começou a promover cursos de astronomia ao nível de iniciação. Isto ajudou a incluir nos seus planos a divulgação desta ciência. Através destes cursos algumas pessoas foram-se fazendo sócias, formando mais tarde um grupo informal de observação.

 

A aposta na Astronomia levou a associação a participar desde a primeira edição (em 1996) no programa "Astronomia no Verão", chamado na altura "Astronomia nas Praias".

Em 1997, adquiriu um planetário portátil, ao qual se deu o nome de "Planetário João Jacinto Magalhães".

A partir dessa data foi possível começar a realizar atividades vocacionadas para as escolas, câmaras municipais e a participar em mais iniciativas do "Astronomia no Verão", programa no qual participa até à presente data.

 

A atividade constante em prol da Astronomia tornou a FISUA conhecida, não só no meio universitário e na própria cidade de Aveiro, mas também a nível nacional.

O espaço que possui no Departamento de Física sempre foi um espaço de encontro e de convívio de estudantes de vários departamentos tendo sido recentemente requalificado e aberto ao público no arranque do ano letivo 2014/2015.

 

Atualmente muitos dos seus associados são estudantes dos cursos de Física da Universidade de Aveiro, no entanto tem muitos ex-alunos, professores e pessoas que nos seguem nas nossas atividades que também são sócios.

Qualquer pessoa interessada pode fazer parte da FISUA.

 

Cumprindo o seu objetivo inicial, a FISUA tem realizado iniciativas na área da Física, como é o caso do ciclo de conferências “Horizontes da Física”.

Esta iniciativa começou em Março de 2005 (Ano Internacional da Física). Desde então tem-se realizado sempre de dois em dois anos.

A FISUA organizou também já duas edições do "Encontro Nacional de Estudantes de Física" (ENEF). Pela primeira vez em 2004 e mais recentemente em 2014.

 

Atualmente, a FISUA dedica-se à promoção da Física e da Astronomia, fazendo visitas frequentes a escolas, centros de ciência e outras instituições e eventos, com o planetário portátil, telescópios, feiras de ciência e workshops. Além disso, continua a fazer todos os semestres, novos cursos de Astronomia em regime livre e abertos à população em geral.

 

Participa ativamente em iniciativas como o “Astronomia no Verão” e na “Semana da Ciência e Tecnologia” da Universidade de Aveiro. Constituiu também um Grupo Experimental de Técnicas Aeroespaciais (GETA), que estuda algumas técnicas de voo e estabilidade dando origem a um workshop “Construção e lançamento de micro-foguetes” que realiza em escolas, centros de ciência e noutras instituições.

 

A Associação de Física da Universidade de Aveiro continuará a apostar na Física e na Astronomia como meios de promoção da ciência e da Universidade de Aveiro, com o objetivo de despertar a curiosidade e o espírito cientifico junto da população.